Muito Feliz Por Ter V♥cês AQUI!

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

História do Hino " Eu Sei Que Vive Meu Senhor" - Nº 70


Letra: Samuel Medley, 1738-1799. Incluído no 1º hinário SUD, 1835
Música: Lewis D. Edwards, 1858-1921
Referências: Jó: 19:25
Salmos 104: 33-34

Edward P. Kimball, compositor e organista do Tabernáculo, tinha um testemunho tão grande do poder deste hino, que fez a seguinte promessa: “Quando a dúvida, o desânimo, ou qualquer outro inimigo do Espírito de Deus se manifestarem, cante ou apenas toque este hino realmente inspirado e uma nova luz abençoará sua alma com alegria”.

Samuel Medley, que escreveu a letra em 1775, gostava das repetições usadas neste hino. Vinte e seis das trinta e duas linhas do hino, começam com a mesma frase: “Eu sei que vive meu Senhor”.

A repetição não é necessariamente um erro num hino. Às vezes, é a própria repetição que traduz o fervor da súplica do hino ou da convicção de sua mensagem. Consideramos, por exemplo, o hino “Mais Perto Quero Estar”, n. 62, “Conta as Bênçãos”, n. 57, “Careço de Jesus”, n. 61. Cada um desses hinos é também caracterizado por uma frase-chave repetida muitas vezes e essa repetição dá mais ênfase à mensagem:

A letra de “Eu Sei Que Vive Meu Senhor” apareceu no hinário de Emma Smith em 1835, com sete estrofes curtas. Quando as estrofes curtas foram combinadas para formarem uma mais longa, o último verso teve que ser repetido para completar o hino. Porém, a repetição, nesse ponto é mais uma força do que uma fraqueza; a repetição das palavras do último verso é como acrescentar um testemunho adicional ou um “Amém” extra ao testemunho expresso no hino.

Dois talentosos Santos dos Últimos Dias, dentre nossos primeiros compositores, George Careless e Edwin F. Perry, escreveram a melodia desse hino. Mas uma outra melodia, escrita por outro SUD, Lewis D. Edwards, publicada em 1901, foi aquela que atingiu a alma dos Santos dos Últimos Dias. George D. Pyper fez o seguinte comentário: “Se Samuel Medley tivesse estado aqui para nos orientar, ele não poderia ter escrito uma melodia mais apropriada do que esta, pois Edward captou o estilo de Medley, acentuando as palavras-chaves que o autor da letra adorava repetir em seu refrão. No que diz respeito aos Santos dos Últimos Dias, Edward ligou seu nome ao de Medley para todo o sempre”.


Letra do Hino
Eu sei que vive meu Senhor!
O meu sublime Salvador!
Que vive e reina sobre nós A todos chama a sua voz..
Que roga sempre ante Deus Velando pelos filhos Seus;
Que vive para me amparar e minha alma acalentar.

Eu sei que vive meu Senhor! E que por mim tem grande amor!
Enquanto viva cantarei: "Ó Redentor, Senhor e Rei!"
Por ele, a vida eu darei A morte, eu conquistarei;
Vou preparar o meu lugar, no céu, que é meu eterno lar.

Que vive, oh, louvores dai! E sempre a Cristo exaltai!
Clamemos, hoje, com fervor, "EU SEI QUE VIVE MEU SENHOR."

Que vive para me alentar A minha angústia sossegar;
Meu turvo coração calmar E novo alento inspirar.

Que tem conselhos para mim E manda sua paz sem fim;
Que vive para consolar E com ternura me guiar!
Que vive, oh, louvores dai! E sempre a Cristo exaltai;
Do mundo é o Redentor. Eu sei que vive meu Senhor.

Eu sei que vive meu Senhor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário