Muito Feliz Por Ter V♥cês AQUI!

sábado, 17 de abril de 2010

Demonstrar Amor Pelos Filhos

 Obra de Loren Entz
“Pais, se querem que seus filhos sejam ensinados acerca dos princípios do evangelho, se querem que eles amem a verdade e a entendam, se querem que sejam obedientes e unidos a vocês, amem-nos! 
E provem-lhes que realmente os amam, através de todos os seus atos e palavras. Para o seu próprio bem, pelo amor que deve existir entre vocês e os seus filhos, por mais geniosos que eles sejam, nunca os repreendam ou conversem com eles num momento de raiva; nunca o façam com rispidez ou com espírito de condenação. Falem-lhes gentilmente; desçam até eles e chorem com eles, se necessário, e façam-nos derramar lágrimas com vocês, se possível.
Abrandem o seu coração; façam-nos sentir amor a vocês. Não usem o chicote, nem sejam violentos, mas... aproximem-se deles com argumentos, com persuasão e amor não fingido. (…) Façam-nos sentirem-se como vocês se sentem, interessem-nos nas coisas que vocês têm interesse, levem-nos a amar o evangelho assim como vocês o amam, a se amarem uns aos outros, assim como vocês os amam, a amarem os pais como os pais amam os filhos (…) Vocês não conseguirão essas coisas (…) usando a força.” 
( Joseph F. Smith - Doutrina do Evangelho, p. 287)
Sejam amorosos ao corrigir seus filhos. Não lhes recusem sua afeição como meio de castigá-los, pois eles poderão aprender a não dar afeição aos outros.
“O lar é o melhor lugar no mundo para ensinar o autocontrole, para fazer com que a criança sinta felicidade ao exercer autocontrole, e para ensinar-lhe respeito pelos direitos alheios.
Sinto que a primeira contribuição do lar para a felicidade da criança é fazer com que ela perceba que existem limites além dos quais não poderá aventurar-se em segurança; segundo, ensinar-lhe consideração pelos direitos das outras pessoas; terceiro, fazê-la sentir que o lar é o local onde se trocam confidências e se recebe consolo; e quarto, fazer com que ela aprecie a idéia de que sua casa é um porto onde poderá refugiar-se e descansar das preocupações e perplexidades da vida.”
David O. McKay

Um comentário:

  1. Obrigada amiga,pela visita,amei.
    Acho o teu blog uma delícia,tens as imagens todas ao meu gosto e os textos são amorosos,parabéns.
    Um beijinho...Miuíka

    ResponderExcluir