Muito Feliz Por Ter V♥cês AQUI!

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

História do Hino "Mais Perto Quero Estar"


Letra: Sarah F. Adams, 1805-1848
Música: Lowell Mason, 1792-1872
Referência: D&C 88:63

Quase um terço da letra deste hino consiste na repetição de uma frase que afirma o anseio declarado no título do hino: “Mais perto quero estar, meu Deus de Ti”.
Trata-se da emocionante expressão de um desejo de estar mais intimamente ligado ao Pai e suas hostes angélicas, tanto na vida quanto na morte.Não é possível compreender totalmente este hino sem recordar a história do Sonho de Jacó, relatado em Gênesis 28:10-22. Jacó, durante uma viagem, adormeceu e colocou sua cabeça sobre algumas pedras, para descansar ao por-do-sol e sonhou com uma grande estrada cujo topo tocava nos céus, com anjos subindo e descendo por ela. No topo da escada, estava o Senhor Deus, que prometeu bênçãos a Jacó e sua família, assegurando-lhe: “porque te não deixarei” (vers. 15). Surpreso, Jacó acordou no dia seguinte e fez um altar com as pedras que usara como um travesseiro e jurou: “O Senhor será meu Deus” (vers. 21).
As figuras de linguagem que se relacionam especificamente a esta passagem do Velho Testamento encontram-se no verso dois: “andando triste aqui, na solidão, paz e descanso a mim, os teus braços dão” e comparam nossa necessidade e nossos anseios com os de Jacó, quando dormiu, em sua jornada. No vers. 17 de Gên., Jacó disse que aquele não era outro lugar, senão a casa de Deus (Betel); no verso 4 do hino, (Minhas aflições deixarei ali), refletem as ações de Jacó, quando tomou as pedras e construiu um altar ao Senhor, onde derramou suas ofertas; significam que consagraremos nossas vidas - e até mesmo os pesares - ao Senhor, como Jacó.

Nenhum comentário:

Postar um comentário